quarta-feira, 5 de março de 2014

1 ano sem Chorão.

No dia 06 de Março de 2013, eu acordei ao som de Charlie Brown Jr., ouvindo "só os loucos sabem" acordei triste, sem ânimo, me levantei, liguei a TV e vi a notícia, chorão tinha morrido. Naquela Manhã, o mundo estava triste, a terra estava de Luto. O cara de Santos, que nunca abaixou a cabeça, tinha se despedido deste mundo, estava sendo livre pra buscar o seu lugar ao sol. Mas quando estava de pé, nos ensinou a nunca desistir, nem ganhar, nem perder, mas procurar evoluir. Nos ensinou que o medo segue os nossos sonhos, que nossas vidas são feitas de sonhos, que temos que lutar pelo que é nosso, porque tudo é possível, porque impossível é uma palavra muito grande, que pessoas pequenas usam para te oprimir.

O Poeta das ruas, mostrou a todos, que tinha a habilidade de fazer histórias tristes virarem melodia, O Marginal alado, iluminou os olhos de um monte de jovens com sua manobrinhas em seu skate, em ser um louco consciente. E depois de tantos aprendizados, ensino, de construir pontes indestrutíveis aqui na terra, depois de 43 anos de Dias de Luta e Dias de Glória, em uma manhã de Céu azul, Chorão se foi, pra nos mostrar que temos que viver nossos sonhos, porque temos tão pouco tempo, e numa manhã de um céu azul lavado, e de um sol sem alegria, Alexandre se foi para cantar na imensidão do universo. E Só os loucos sabem, como ele deixou saudades, morando em seu novo mundo, mas eu sei que um dia a gente se encontra.

Chorão: 1970 -  

- Matheus José.






























Hoje faz 1 ano que ele se foi, ele deixou muitas saudades, para todos nós! #Luto #Chorão.

5 comentários:

  1. Texto lindão ! Amei Matheus !
    E ele sempre estará em nossas mentes, seja pela musica seja pela historia de vida !

    ResponderExcluir
  2. Texto Perfect' é ele faz falta para todos :/ /

    ResponderExcluir